1-cap Inicio

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

1-cap Inicio

Mensagem por ADM. Geral em Seg Jan 09, 2017 6:37 pm

1-cap Inicio

Aqui ocorrerá a Aventura do aprendiz VI, a qual será narrada pelo ADM.Geral
avatar
ADM. Geral
Admin

Mensagens : 128
Data de inscrição : 29/07/2016

Ver perfil do usuário http://talesofdg.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1-cap Inicio

Mensagem por Dragonmbr em Seg Jan 09, 2017 8:00 pm

MAIS UM DIA


Acordaria mais uma vez na minha cela, não tinha como eu saber que horas eram, espreguiçaria um pouco estendo minhas mãos até onde a cela permitia, conforme o tempo passava ela ficava cada vez menor para meu tamanho, olharia para meu corpo e notaria que meus machucados da ultima luta já haviam se curado, então isso significava que logo iria ter que lutar com outro oponente, olharia em volta a procura de algum alimento, as vezes os guardas deixavam alimento, como não sabia que horas era dentro das celas, então sabia exatamente que horas a comida vinha.


Se tivesse algum alimento comeria rápido, para sobreviver e ter a chance de escapar não poderia dar ao luxo de recusar comida, após comer ou não, iria fazer alguns exercícios, primeiramente iria fazer algumas abdominais, não tinha muito o que fazer, então minha rotina se baseava em fazer alguns exercícios, dormi e comer, isso quando não me obrigavam a matar, minhas únicas companhia era os ossos do primeiro garoto que eu matei, e alguns ratos que rápido demais para os guardas matarem, ficaria trocando revezando, abdominal e flexão, esperando o tempo passar, quando me casasse iria apenas dormi novamente, mas antes olharia em volta em direção a selas, queria ver se não havia chegado nem uma outra criança, ou se algum demonstrava ser um oponente assustador.

Dragonmbr

Mensagens : 20
Data de inscrição : 08/01/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1-cap Inicio

Mensagem por ADM. Geral em Seg Jan 09, 2017 8:51 pm

VI acordava para o seu pesadelo diário. Trancafiado de forma desumana, até mesmo para um cárcere. Forçado a lutar nas mais árduas batalhas pela sua sobrevivência, seus punhos haviam sido forjado no mais sangrento campo de batalha. A pior das lâminas.

Era hora de seu café da manhã. Os guardas haviam deixado um pão de aparência duvidosa, junto de uma jarra de água. Perto deles tinha uma mensagem.

"Tente não rasgar mais a boca enquanto come"

A refeição era demasiadamente importante para ele, pois não sabia quando lutaria e era a sua única fonte de energia. Já alimentado, VI começava a sua série de exercícios, para sobreviver era necessário manter-se em forma para aguentar as pelejas.

Hoje, não havia chegado ninguém. Então ele continuava a sua rotina, exercícios e dormir.

VI já estava quase dormindo, junto dos ratos e dos ossos do já falecido garoto, quando o som estridente do metal o acordou, a espada batia nas grades. Já era de noite, a luz da tocha iluminava a sua cela de forma grotesca, dando vida a sombras dantescas.

"É hora do show, besta!"

Spoiler:
Posts: 01
Ganhos:
Perdas:
NPC's:
Extras:

avatar
ADM. Geral
Admin

Mensagens : 128
Data de inscrição : 29/07/2016

Ver perfil do usuário http://talesofdg.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1-cap Inicio

Mensagem por Dragonmbr em Ter Jan 10, 2017 8:17 am

LUTAR?


Enquanto estava pegando no sono ouvi um som estridente, o carcereiro batia com sua espada na grade, parecia que minha hora de lutar já havia chegado, ele carregava uma tocha, e pelo visto não estava sozinho, tentaria acostumar meus olhos com a luz que a tocha carregava, para ver quantas pessoas eram, -É hora do show, besta!-ouviria uma voz conhecida falar, ainda estava deitado quando ouvi isso seguraria em uma das barras da grade, e a usaria como apoio para levantar rapidamente, mas enquanto fazia esse movimento não deixaria de reclamar-Porra!!! a gente se conhece a tanto tempo, ser um pouco mais gentil não custa nada, iria gostar de algo como “oi, boa sorte na luta, se ganhar a refeição será dobrada”-.

Eu ficaria em pé colado na grade, olhando firmemente nos olhos do meu cárcere, geralmente não importava a força do meu oponente, quando via minha aparência eu poderia notar um pouco de medo no olhar nele, esperaria até que eles abrissem a grade, e obedeceria as ordens deles, geralmente eles me amarravam com correntes até chegar na arena, mas não iria me oferecer para ser amarrado, faria isso somente se eles pedissem, afinal eu queria uma chance de escapar se eles esquecessem de me amarrar seria ótimo, seguiria os carcereiro até a arena, não que precisasse de guia para chegar na mesma, eu acho que eu teria pouca ou nem uma dificuldade de fazer isso até mesmo de olhos fechados.


Uma vez dentro da arena, eu passaria os olhos rapidamente em volta, como se estivesse vendo se o publico hoje era pequeno ou grande, enquanto passava os olhos seria possível ver um pequeno sinal de desespero em meus olhos , ”Vamos eu quero uma oportunidade, um modo de fugir.... Me de uma abertura....” meu objetivo de olhar em volta não era checar o publico, mas sim achar uma brecha pra fugir, por fim eu travaria meus olhos em meu oponente, observaria o mesmo, tentando achar qualquer fraqueza aparente no mesmo, olharia para ver se o mesmo não carregava nem uma arma, de forma inconsciente, eu mostraria meus dentes para o oponente, como se estivesse preste a rosnar para o mesmo, baba seria possível ver saindo da lateral deformada da minha boca, eu já estava quase perdendo a consciência, outra coisa iria assumir o controle de meu corpo.



VI::
Pericias: Corrida,Luta de rua eAcrobacia
Vantagens: Aceleração, Adaptador,Flexibilidade, Equilíbrio Perfeito e Audição aguçada
Desvantagem:Monstruoso, Temperamento Esquentado e Dupla Personalidade

OBjetivos:

[] Fugir/sair/escapar/ser resgato/ ser salvo
[] Encontra algum npc acompanhante
[] Aprende tecnica de cultivo
[] Possivelmente vai ter 1 cara que vai invadir minha aventura se ele invadir eu quero me encontrar com ele


Dragonmbr

Mensagens : 20
Data de inscrição : 08/01/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1-cap Inicio

Mensagem por furla em Ter Jan 10, 2017 2:03 pm

A lua já enfeitava o céu, era hora de planejar tudo do zero, de planejarnovas metas. Saberia que daquele dia em diante a vida seria mais árdua, se superando o tempo todo, tendo dores e machucados da dedicação convivendo constantemente com ele, mas afinal, tudo o que era importava era o seu objetivo de manter aqueles que ama à salvo. Olharia firmemente para o céu, a lua banharia fortemente seus olhos quase que fechados pela claridade exuberante e as poucas nuvens ali presente, seria uma noita perfeito para o "recomeço" de quem ele pretendia se tornar.

~ Início do Post de Treino ~

Em sua cabeça calmamente planejava seus objetivos do seu dia-a-dia a partir dali que praticamente consistia de treinar, treinar mais um pouco e treinar ainda mais até que seu físico se esgotasse. Precisava se tornar poderoso, tudo dependia daquilo. Abaixaria então sua cabeça e abriria os olhos calmamente e começaria o planejado. "Mais forte e mais rápido" era o pensamento de começo para o treino.

Em uma de suas mão encontraria-se um saco dos quais era usado por sua família para a colheita do campo. O tempo estaria ameno, o vento mal existia aquela hora, ele andaria pela casa coletando pedras dos mais diversos tamanhos e iria armazenando-as e após algum tempo estaria cheio. Em uma pequena área fez dois traços paralelos com as próprias mãos pela terra que estaria levemente úmida, separados cerca de 20m cada um. O plano era ir carregando o saco com os braços esticados para cima e abaixando-os conforme abaixaria as pernas junto, tentando apenas treinar sua força na ida, enquanto que na volta amarraria o saco em seu corpo e tentaria voltar correndo para o outro lado, e assim sucederia.

Abaixaria lentamente para dar uma última e focada observada na linha do outro lado, era o que precisava alcançar. Estralaria seus membros após levantar-se. "Então é isso" pensou consigo mesmo, seus músculos já se contraiam sem nem ter pego o peso, ele podia já sentir a própria determinação - "Aguenta firme, corpo" Colocaria então o saco em suas mãos e daria o primeiro passo..

Mal começava a levantar e a primeira gota de suor escorria beirando o olho, já sentia-se os ossos doerem e as pernas já tremiam também. Segundo, terceiro e quarto passos. No quinto já há gotas do esforço por todo o rosto, sua perna falseia e o saco cai.. "Acho que estou sendo afobado, sendo teimoso, devo estar querendo forçar demais e preciso ir devagar". Retirou muito do peso que ali estava e continuou. Agora sim o peso estava adequado e o esforço parecia ser o correto. Décimo sétimo passo. Mãos tremendo, um suor ja caindo dentro dos olhos que não se fechavam pela vontade de vencer aquilo. Tudo tremia, já começava sentir que a lombar estava sendo exigida junto. O cabelo após os passos grudava em seu rosto que ia molhando. Décimo oitavo, Décimo nono. "Falta um". Já não sentia mais seus membros direito, era uma força descomunal mesmo para quem estava acostumado a carregar sacos da colheita. "AAAAAARGH" Vigésimo passo. Cairia nesse momento tentando se proteger contra a terra do chão. Levantaria e em seu rosto, um sorriso de fora a fora pelo rosto, com terra nos dentes, olhos e tudo. A satisfação era imensurável.

Mas a volta ainda estava por vir, enxeu seus pulmões e levantou novamente, agarrou o saco nas costas. Sentia algo doendo no braço, era seu corte deixando vazar um pouco de sangue pela constante pressão e força pro ele exercidos. Aquilo não era nada, depois cobriria. Deu um impulso que de impulso não tinha nada, suas pernas já estavam mortas da primeira tentativa de atravessar, e sei ímpeto não durou muito. Lá ´pelos 10 metros sua velocidade tentantdo carregar diminuia e sem ver que havia uma pedra no meio da caminho desabou ao chão com várias das pedras do saco se espalhando pelo redor. Mal conseguia respirar, estava ofegante, e ainda todo sujo e com o sorriso preto pelo barro. "A caminhada vai ser longa" dizia em voz baixa mal conseguindo separar as sílabas devido ao cansaço. Esperou alguns minutos ali deitado e deixou o saco mais leve como havia ficado e percorreu o trajeto mais umas 5 vezes sendo que ao final de todas tirava mais e mais pedras do mesmo. Simplesmente caiu no chão ao final da última tentativa. Estaria ele sabendo treinar corretamente? Ele não sabia responder,  precisava de ajuda, de respostas, ou até de um tutor.


~ Fim do Post de Treino ~

Enquanto descansava pela exaustão vasculhou por seus pensamentos onde poderia melhorar sua técnica e enquanto o tempo passava tenta se lembrar, e então um clarão se deu em sua cabeça. Foi ai que ao mesmo tempo que pensou ele soletrou.. "A-R-E-N-A"
avatar
furla

Mensagens : 35
Data de inscrição : 07/11/2016
Idade : 25

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1-cap Inicio

Mensagem por ADM. Geral em Qua Jan 11, 2017 4:23 pm

Os guardas debochavam de VI, amarrando suas mãos pelas celas e abrindo-a. Assim, eles o conduziam até uma sala, dela ele iria para a arena.

Enquanto isto, Arsus estava pensando em como tornar-se mais forte, sobre a luz do luar. Era dificil recomeçar-se e tornar-se alguém diferente, alguém mais forte. Mesmo assim, ele não se importava e continuava a treinar. Destarte, uma ideia veio em sua mente: a ARENA.

VI era guiado até a sala, onde finalmente estava sozinho e dessamarrado, mas sem rotas de fuga aparentes. Ele podia ver o grande círculo da arena pelas grades, onde ele estaria em pouco tempo. De repente, os portões de ferro se levantam e a multidão começa a gritar. Este era o seu momento.

A arena estava cheia, VI nervoso, pensando em como escapar dali. Apenas haviam as típicas grades de ferro, algumas que ele não sabia para onde iam. Uma grande parede o separava da plateia, sendo improvável fugir por ali.

Na sua frente, um homem montado em uma besta demoníaca entrava na arena. Era um Tigre-azul das Montanhas Nevadas.

Desta vez, não parecia ser uma luta, mas uma execução. A plateia mascarada ia ao delírio.
VI:
Posts: 01
Ganhos:
Perdas:
NPC's:
Extras:

Arsus:
Posts: 01
Ganhos:
Perdas:
NPC's:
Extras: 1 Post de Treino realizado

Obs:
eu editei seu post furla, e botei a limitação do treino, lembre de fazer isso toda vez que fizer um treino, pois complicará para o avaliador saber onde começa e termina ele. Aliás, ele não é narrado por mim, já que será avaliado posteriormente, então não se preocupe se não narrarei no meu post seu treino, ele foi válido de tod forma. E você pode editá-lo até o fim da aventura caso queira.
avatar
ADM. Geral
Admin

Mensagens : 128
Data de inscrição : 29/07/2016

Ver perfil do usuário http://talesofdg.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1-cap Inicio

Mensagem por furla em Qua Jan 11, 2017 9:50 pm



Até aquele momento de sua vida Arsus jamais havia visitado ou visto alguém comentar sobre a mesma, sabia apenas de meros boatos sobre esta.. Neste momento ele imaginava homens com uma força descomunal, que treinavam sem cessar um segundo, pois a todo momento a própria vida corria risco, e isso exigia demais deles. "Deve ser um estilo de vida inimaginável.." pensou. Mas o que ele queria era saber como eles sobreviviam, afinal de contas eles poderiam conhecer inúmeras formas de desenvolver o corpo e o estilo de luta rapidamente, saberiam como ensinar a se adaptar às mais diversas situações. Então o que precisava era encontrar aquele circo de matanças para aprender mais. A calada da noite ia a cada instante se instalando mais, não era mais hora de um jovem estar para rua, ele começaria a tentar encontrar vestígios no dia seguinte. Enquanto nada podia fazer à respeito de seu treino físico ele se preparava para iniciar o cultivo com a técnica que havia conseguido. Seu corpo ainda estava cansado, o suor marcava sua roupa como um todo. O esforço havia sido suficiente para desgastá-lo, porém a mente ainda encontrava-se inteira e concentrada. Com as pernas falhando foi aos poucos se movimentando até uma pequena varanda onde iniciaria o processo. Seus passos estariam pesados, e a marca dos pés estaria gravada na terra levemente úmida..

Conforme ia se aproximando da varanda sua respiração ja se acalmava. Quando tentou se agaixar para sentar suas pernas falharam e caiu de bunda no chão e riu! Calmamente se ajeitaria e iniciaria o entendimento de sua técnica para o início da cultivação. Já teria decorado as palavras, cruzaria as pernas e apoiaria as mãos próximas aos joelhos e fecharia seus olhos. Seus lábios junto a seu rosto ainda estavam cheios de terra, mas isso não atrapalharia o início das palavras..

"Aquele que ri ao invés de enfurecer-se é sempre o mais forte" - Aquilo... Aquele sentimento, era único e indescritível! E ao mesmo tempo em que as palavras eram ditas e o entendimento do que se praticava enriquecia melhorava ainda mais a sensação. A calma sempre havia sido uma de suas virtudes, e era fácil enteder estas palavras, o riso representava a felicidade, e felicidade praticamente é um sinonimo de paz, de calma. Conforme os pensamentos e o entender se tornavam um sentia-se a noção de "algo" expandindo.. e continou.

"O bambu que se curva é mais forte que o carvalho que resiste" - A aura se intensificava e o conhecimento sobre o que havia acabado de se recitar consistia em ser maleável, se adaptar, modificar de acordo com o que se está enfrentando, e não ser monótono e automático. Mudança constante era o que movia o intelecto para frente. Era sensacional tudo que acontecia até aquela hora.

"Jamais se desespere em meio as sombrias aflições da vida, pois das nuvens mais negras cai água límpida e fecunda" - E então Arsus se sentia em casa, parecia uma frase que seu pai havia lhe dito desde sempre: "nunca julgue um livro pela capa". Observar era sempre preciso, pois as vezes uma primeira impressão não significava tudo, era necessário tempo para que se mostrasse o verdadeiro valor de algo/alguém. Aquele conjunto sentenças separadas já tinham um significado tremendo, mas juntas elas elevavam o conhecimento ao extremo. Jamais teria imaginado que a cultivação fosse se tornar algo tão prazeroso, apesar do esforço, e cheio de aprendizagem!

Por mais tempo aquele garoto continuaria sentado treinando e repetindo em sua mente os ensinamentos que começariam a sua nova vida e rumos a partir dali. Esperaria até que o dia clareasse para retomar o treino e a procura por informações..
avatar
furla

Mensagens : 35
Data de inscrição : 07/11/2016
Idade : 25

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1-cap Inicio

Mensagem por Dragonmbr em Qua Jan 11, 2017 10:02 pm

Quero ver quem é mais animal nessa PORRA!!!!!


Para minha surpresa hoje eu não estaria lutando contra outra pessoa, mas sim uma fera, não pôde deixar de dar uma risada nervosa para logo após falar em um tom sarcástico, -Será que eu matei todos os humanos?-, essa seria a ultima coisa que eu lembro de falar, logo minha mente ficaria escura e eu perderia meus sentidos, antes de apagar complemente me peguei perguntando para mim mesmo se essa seria a ultima coisa que eu iria ver, assim que eu apaguei um rosnado surgiu em minha garganta, meus olhos estavam travado na fera em minha frente, meus dentes estariam a mostra, baba escorria de meus lábios, talvez o guarda mais cedo estivesse correto em me chamar de besta.


Antes de atacar eu iria rodear a fera tigre, assim como um animal eu estaria avaliando a força dela, isso também servia para que sempre estivesse de frente com a mesma se ela me atacasse seria de forma frontal, não faria o primeiro movimento deixaria a fera fazer, se ela corresse em linha reta iria serrar os punhos firmemente da mão esquerda, iria esperar ela estar 2 metros de distancia de mim para então avançar em toda a velocidade, abusando da minha aceleração tentando pegar a fera desprevenida, enquanto avançava iria preparam um soco frontal com a mão esquerda virando um pouco a cintura para então tentar dar um soco com toda a minha força mirando acerta os dentes da fera, enquanto fazia um movimento o rosnado em minha garganta ficaria maior, meu objetivo era quebrar alguns dentes da fera, sabia que minha mão provavelmente não sairia intacta, mas tentaria aguentar, uma vez que minha mão estivesse dentro da boca da fera eu desesperadamente tentaria agarrar a língua da criatura e puxar a mesma com toda minhas força, tentando arrancar a língua da criatura violentamente , o rosnado que tinha se tornaria um rugido de puro ódio enquanto fazia isso, o principal motivo do rugido era para aliviar(psicologicamente(embora tenha feito isso mais por instinto) a dor que provavelmente teria em minha mão.


Se mesmo após meu plano de circular a criatura não funcionasse corretamente e ela me atacasse pelas laterais, se antes de atacar ela pulasse, ela não teria muito como se esquivar no meio do ar, então fazendo um “V” com meus dedos da mão esquerda eu iria novamente atacar de maneira frontal, mas dessa vez não miraria na boca da criatura e sim nos olhos, tentando deixar a mesma cega, funcionando o primeiro ataque ou não iria com a mão direita dar um soco novamente frontal no focinho da criatura, se a criatura não pulasse e viesse apenas correndo, eu iria unir as minhas mãos entrelaçando os meus dedos e a colocaria com ambas unidas em cima da minha cabeça, quando a criatura chegasse perto o suficiente, eu abaixaria minhas mãos com toda as minhas forças tentando acertar a cabeça da criatura, utilizaria da minha flexibilidade para ficar mais fácil acertar a mesma caso ela tentasse desviar, rugiria de forma animalesca enquanto efetuava o golpe, se acertasse, a criatura provavelmente estaria um pouco atordoada, aproveitaria essa oportunidade para em uma atitude animalesca morde a orelha direita da besta e puxar a cabeça para trás travando fortemente meus dentes, tentando tirar a orelha da mesma, se a besta conseguisse desviar do meu primeiro golpe o segundo golpe não seria uma mordida na orelha, eu aproveitaria o impulso que meu golpe “marreta” me daria não acertando o golpe para tentar virar um mortal e cair sentado, em cima da criatura, isso provavelmente machucaria a criatura e se tivesse sorte derrubaria o montador.


Caso sofresse um ataque utilizaria principalmente minha mão direita se a esquerda estivesse ocupada para me defender(caso a esquerda não estivesse ocupado me defenderia com as duas), meu foco de defesa seria meus olhos pescoço, membros íntimos, e o coração, eu sabia que existia outras regiões importantes que se acertadas definem uma luta, mas só tinha certezas de onde ficavam essas então o foco defensivo seria eles, claro que também tentaria defender outras áreas do corpo com os braços, mas eu estaria mais preocupado com o que citei acima, em todo momento estaria com a perna esquerda um pouco mais recuada que a direita, para poder aguentar melhor o impacto dos golpes, tentaria aguentar firmemente todo o machucado que eu sofresse, afinal já estava acostumado a me machucar. Se conseguisse tirar a língua da criatura eu a levaria na boca e a mastigaria engolindo no final, se conseguisse furar os olhos da criatura com meu ataque eu lamberia o liquido junto com o sangue de meus dedos e se conseguisse arrancar a orelha da criatura eu também a comeria sem me importar muito com os pelos.



VI:
Pericias: Corrida,Luta de rua e Acrobacia
Vantagens: Aceleração, Adaptador,Flexibilidade, Equilíbrio Perfeito e Audição aguçada
Desvantagem:Monstruoso, Temperamento Esquentado e Dupla Personalidade

OBjetivos:

[] Fugir/sair/escapar/ser resgato/ ser salvo
[] Encontra algum npc acompanhante
[] Aprende tecnica de cultivo
[] Possivelmente vai ter 1 cara que vai invadir minha aventura se ele invadir eu quero me encontrar com ele

OFF: sei que provavelmente vou me foder... mas lembre-se sou focado em resistência física, e outra fiz dois ataques por que no chat tu falo que iria editar pra dois ataques por post, mas não mudou na minha ficha, então eu não sei se ta valendo ou não.... mas o prevenido morreu de velho To nem ai, fodac

Dragonmbr

Mensagens : 20
Data de inscrição : 08/01/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1-cap Inicio

Mensagem por ADM. Geral em Qui Jan 12, 2017 7:43 pm

O que Arsus pensava em encontrar eram pessoas fortes, com quem poderia aprender diversas técnicas, como adaptar-se e expandir a sua noção de luta.

Ele ainda estava exausto do treino, com suas pernas trêmulas. Assim, ele decidia começar a cultivar a sua força da alma. Sua concentração era estimável, logo o guiando para o profundo estado da cultivação.

As palavras lhe corriam a mente, e ele tentava achar os seus verdadeiros significados. A sua compreensão deveria aumentar, enquanto reunia energia do meio para expandir seu Reino da Alma.

Enquanto isso, VI perdia sua consciência aos poucos, deixando-o ser tomado por algo ou alguém. O que importava era que esta sua parte adormecida agora estava no comando.

O cárcere rodeava a fera, a qual era no mínimo uma besta demoníaca de rank prata! O monstro avançava, e VI esperava para revidar, o que fui inútil, sua força nem podia ser comparada! Ele foi atirado para longe com uma patada, um golpe quase fatal! As garras por pouco não lhe penetraram o peito.

VI foi atirado para próximo de uma grade. A fera continuava a avançar, com o homem montado rindo - ele também vestia uma máscara. Ele vestia-se feito um nobre. O lutador não conseguia se quer arranhar o pelo da besta. Desta vez, não era uma luta entre gladiadores, e sim um show onde o nobre matava o gladiador, por isto da besta de alto nível.

O animal avançava, VI ainda estava atordoado próximo a grade. O felino investiu, ferindo o prisioneiro, mas derrubando a grade junto. A multidão foi a loucura. Agora, os dois haviam sumido da vista da maioria das pessoas, e o espaço não era tão grande para a besta, apesar de que ela conseguia mover-se ainda. O nobre estava jogado ao chão, gritando.

Este era o cenário caótico que VI esperava.

VI:
HP: 24/50
Posts: 02
Ganhos:
Perdas:
NPC's:
Extras:

Arsus:
Posts: 02
Ganhos:
Perdas:
NPC's:
Extras: 1 Post de Treino realizado
1 Post de cultivação - [1/3] para outro.

Obs:
foi um ótimo post, mas você não tinha chance contra a fera de qualquer forma To nem ai, fodac
E se quiser, facilita encurtar o post pra mim, o que importa é seguir a personalidade, não tamanho. Não me matem com posts enormes
avatar
ADM. Geral
Admin

Mensagens : 128
Data de inscrição : 29/07/2016

Ver perfil do usuário http://talesofdg.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1-cap Inicio

Mensagem por furla em Qui Jan 12, 2017 11:26 pm

Off-Dúvida:
Esse 1/3 é que agora após cultivar por um post eu espero postar mais 3x e no 4º posso cultivar novamente?

Era uma experiência com um sensação única poder sentir que o progresso acontecia naquele momento. Mas aquilo teve que ter uma pausa, Arsus estava cansado, totalmente acabado pelo treino anteriormente feito e ainda por cima sujo dos tombos no terreno.

Seus olhos lentamente abriam-se enquanto inspirava profundamente após o tempo cultivando que havia passado. A lua ainda encontraria-se no céu naquele instante..

Aos poucos tentaria levantar, já poderia sentir o cansaço e as dores do pós-treino, pois todo o esforço e aumento da temperatura corporal haviam passado. Iria até o terreno recolher o saco que no outro dia seria usado para a colheita e o juntaria com os outros, seguindo então de volta à varanda para poder entrar em casa, onde poderia se limpar e descansar para enfrentar o próximo dia com novo fôlego!
avatar
furla

Mensagens : 35
Data de inscrição : 07/11/2016
Idade : 25

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1-cap Inicio

Mensagem por Dragonmbr em Sex Jan 13, 2017 7:23 am

VOLTA AK!!!


Em nossa troca de golpes descobri que a força do tigre era muito superior a minha, quando nos atacamos não consegui fazer nem um dano no mesmo, mas ele facilmente me fez voar em direção a cerca perto dos nobres, eu podia ouvir a risada dos nobres, eles queriam ver o meu sangue, não me importei tudo que eu me importava era o alvo que estava em minha frente, ele se aproximou e me atacou novamente, o golpe acertou a grade a fazendo cair, parecia que entre a grade e eu, ela era mais fraca, embora eu tenha recebido uma ferida também. Os nobres começaram a correr tentando escapar da fera, estava uma bagunça essa era a oportunidade de fugir que eu tanto queria e eu não poderia me importar menos com ela, tudo que a segunda personalidade queria era matar o alvo que foi dado a ele, ele não iria parar até que o seu ultimo suspiro fosse dado, ou que até não conseguisse mais encontrar o alvo.

Tentaria me levantar e iria novamente em direção a fera e seu montador, levantaria tentando aguentar a dor da ferida, iria na minha velocidade máxima em direção a fera, uma vez próximo o suficiente tentaria pular de braços aberto em direção ao montador da fera, para então abraçar a sua cintura quando nos chocássemos, meu objetivo seria derrubar o mesmo e ir junto com ele, para que quando atingíssemos o solo eu ficasse por cima, se tivesse sucesso em ficar por cima, eu iria com minha boca morde o pescoço do lado direito dele com toda minhas forças, com o lado direito do meu rosto eu conseguiria morder uma área maior devido ao machucado que tinha, se conseguisse morder tentaria arrancar um grande pedaço, se ao cair não conseguisse ficar por cima, eu tentaria me levantar rapidamente e ir na direção do montador, se ele ainda estivesse deitado eu iria dar um pulo e tentar cair com os dois pés na cabeça do montador, se ele tivesse em pé, eu usaria minha flexibilidade para entortar um pouco minha coluna para o lado esquerdo e dar um poderoso gancho com minha mão esquerda no queixo do oponente.

Se fosse atacado de forma frontal tentaria esquivar indo para a direita, iria pular se necessário, se o golpe fosse das laterais tentaria pular de forma diagonal na direção oposta do ataque, ou seja, se o golpe viesse da minha direita eu iria pular para esquerda e para trás, se viesse da esquerda eu iria pular pra direita e para trás, se não conseguisse evitar o golpe eu iria cruzar os dois braços em forma de “X” na minha frente e tentaria bloquear o golpe da fera, tentaria também dar um pulo para trás quando fosse atingido para diminuir mais o impacto.



VI:
Pericias: Corrida,Luta de rua e Acrobacia
Vantagens: Aceleração, Adaptador,Flexibilidade, Equilíbrio Perfeito e Audição aguçada
Desvantagem:Monstruoso, Temperamento Esquentado e Dupla Personalidade

OBjetivos:

[] Fugir/sair/escapar/ser resgato/ ser salvo
[] Encontra algum npc acompanhante(RICO)
[] Aprende tecnica de cultivo
[] Possivelmente vai ter 1 cara que vai invadir minha aventura se ele invadir eu quero me encontrar com ele

OFF: tó seguindo a minha personalidade..... e outra post de combate fica grande mesmo

Dragonmbr

Mensagens : 20
Data de inscrição : 08/01/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1-cap Inicio

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum